Terminei_grande_irm_o____Agora_bora_terminar_o_segundo_volume_de_Sandman_

 

Avaliação: 4,5 de 5.

Consegui! Depois de um mês e meio de preguiça e atrasos nas leituras, terminei um livro sensacional!

A demora em ler não teve nada a ver com a qualidade do livro, pois a Lionel Shriver sabe nos prender na história – e nos angustiar. Neste livro (a autora é a mesma de Precisamos falar com Kevin) ela aborda um tema cada vez mais presente: obesidade. Nossa protagonista, Pandora, depois de 4 anos sem ver o irmão descobre que ele está pelo menos 100 kg mais gordo. Isso é um choque, pois o irmão mais velho sempre fora esbelto e confiante, arrogante até, e um talentoso pianista de jazz. Mergulhamos com ela na reflexão de falar ou não falar do problema evidente com o irmão, de como lidar com o olhar das pessoas e, o que para mim foi o mais importante: a nossa relação com a comida.

É impactante ver os dois extremos de relacionamento com comida: rígido para manter a forma, com foco e a relação emocional que colocamos na comida. Como pessoas podem descontar uma tristeza nela, como forma de recompensa e não percebemos isso. E o contrário também é válido – como podemos desprezar a comida. É um livro pesado, e confesso que teve um trecho que me fez parar de ler por alguns minutos, pois de certa forma me afetou – mas de maneira boa, pois me fez refletir alguns comportamentos.

Era Edison que tinha a “personalidade propensa ao vício”. Edison é que tinha aqueles problemas. Eu era simples como arroz branco. A minha própria insipidez me vacinava contra ficar perturbada demais ou fazer alguma idiotice. Eu não tinha talento para desenvolver um distúrbio alimentar.

 

Recomendadíssima a leitura!

Anúncios